Uther o Arauto da Luz

From Hearthstone Wiki
Jump to: navigation, search

Uther O Arauto da Luz representa a classe Paladin icon.pngPaladino em Hearthstone: Heroes of Warcraft.

Uther Lightbringer-f.png


Uther O Arauto da Luz é considerado o primeiro Paladino dos Cavaleiros do Punho de Prata, uma ramificação mais militante à serviço da Luz que foi originalmente criada na Capela Alonsus, na cidade conhecida como Stratholme. Foi ali que o Arcebispo Alonsus Faol, após a pilhagem de Vento Bravo durante a Primeira Guerra, chegou à conclusão de que a fé nem sempre é suficiente. A fim de proporcionar capacidades militares à Igreja da Luz, os Cavaleiros do Punho de Prata foram criados. Como primeiro dentre eles, Sir Uther foi nomeado seu líder.

Atuante durante a Segunda Guerra, Uther estava presente nos mais sangrentos combates contra os Orcs, incluindo o Cerco de Lordaeron, que foi liderado por Orgrim Doomhammer. É após a batalha de Blackrock Spire que Uther seria nominado "O Arauto da Luz" pelo Tenente Turalyon, ele também um paladino e segundo em comando a Anduin Lothar.

Após a conclusão da Segunda Guerra, Uther continuou a servir ao Reino de Lordaeron e à Igreja de Santa Luz como mediador e protetor do povo. Tendo sido considerado por muito tempo o maior dos Paladinos, foi nesta época que ele tomou Arthas Menethil, filho do Rei Terenas Menethil, como seu aprendiz, e começou a instruí-lo nas escrituras e métodos da Luz.

No começo da Terceira Guerra, Sir Uther, juntamente com seu aprendiz e herdeiro do trono, Arthas Menethil, foram incumbidos de defender a cidade de Strahnbrad de saqueadores Orcs das redondezas, liderados por um Blademaster conhecido como Jubei'Thos. Foi somente após o ataque do Flagelo a Hearthglen que Arthas começou a mudar. Cercado e quase derrotado, somente a chegada de Uther salvou a vida de Arthas. Envergonhado e com o orgulho ferido, o jovem Paladino cavalgou para Stratholme com Uther e Jaina Proudmore, para confrontar e derrotar Mal'ganis, um Dread Lord da Legião Ardente que havia trazido o Flagelo de volta. Ao descobrir que Stratholme já havia sido infectada pela Praga, Arthas tomou a decisão de expurgar a cidade, ordenando que Uther e os Cavaleiros do Punho de Prata o ajudassem. Quando Uther se recusou a purificar a cidade matando pessoas inocentes, Arthas o acusou de traição e exonerou a Ordem do Punho de Prata, se encarregando pessoalmente do trabalho sangrento.

É em Andorhal que Uther encontraria seu fim, morto pelas mão de Arthas para obter a urna contendo as cinzas do falecido rei, também morto pelo príncipe renegado. Uther foi sepultado nas Terras Pestilentas Orientais, dentro de um grande túmulo. Quando visitado, seu fantasma oferece palavras de agradecimento aos que vêm homenageá-lo, e perdão para aqueles que lhe desejaram mal.

"Eu espero sinceramente que haja um lugar especial no Inferno esperando por você, Arthas." -Uther, o Arauto da Luz

Veja também[edit | edit source]